segunda-feira, 2 de maio de 2011

(...)

Vivo me questionando sobre o Amor, sobre Felicidade, sobre coisas que quero e que não quero e certo dia, assistindo Vicky Cristina Barcelona (juro que esse blog não é sobre filmes rs) eu acabei me vendo como a personagem da Scarlett Johansson (Cristina)... Em certa parte do filme ela diz: "não sei o que quero, só sei o que não quero", e vi que estou bem assim, incerta do que quero, mas sei que não quero algumas coisas... Me identifiquei também por quê ela é intensa e busca coisas que a complete, tenta poesia, fotografia, faz parte de um triangulo amoroso... Mas ela não fica muito tempo com suas opções, por quê sempre busca mais e mais... Eu não acredito em felicidade plena, mas sim em momentos de felicidade absoluta e, apesar do beijo que ela dá na Penélope Cruz, eu me identifico com isso, ando me descobrindo, re-descobrindo, enxergando coisas que nunca enxerguei ou que até enxergava mas parei de ver por algum motivo. E assim a vida vai seguindo, uns dias mais interessantes, outros menos... Mas a busca nunca para...

Nenhum comentário:

Postar um comentário